Homenagem aos Exus

No próximo sábado (17/06), a TUNGRA vai fazer uma festa em homenagem e agradecimentos aos Exus

Resultado de imagem para tranca rua das almas

O Exu Guardião da TUNGRA é o senhor Tranca Rua das Almas, da coroa de pai Orlando d’ Ogum

 

No Brasil, Exu é sincretizado com Santo Antônio, pois quando no Brasil, os escravos foram obrigados a professar a religião católica, dedicavam o culto a Santo Antônio, acendendo grandes fogueiras. Como na crença africana, o dono do fogo é Exu, Santo Antônio tornou-se o agente de Exu e esta crença foi absorvida pela Umbanda, de modo que para nós ele se chama Santo Antônio de Pemba, além de outras variações de acordo com as casas e suas crenças.

Resultado de imagem para santo antonio de pemba

No sincretismo, Exu é representado por Santo Antônio

Exus são espíritos que já encarnaram na terra. São espíritos que optaram por prosseguir sua evolução espiritual através da prática da caridade, incorporando nos terreiros de Umbanda. São muito amigos quando tratados com respeito e carinho. São desconfiados, mas gostam de ser presenteados e sempre lembrados. Estes espíritos, assim como os Preto-velhos, crianças e caboclos são, servidores dos Orixás.

Na TUNGRA, Exus são entidades que trabalham na linha da esquerda, atuando contra energias contrárias e em favor daqueles que buscam por ajuda para reconhecerem seu lado negativo e através desse reconhecimento, combaterem-no e evoluírem enquanto seres humanos.

Exu atua no negativo masculino dos seres humanos, assim como as Pomba Giras cuidam do negativo feminino. Por isso, essas entidades se assemelham, no lado comportamental, aos seres humanos, pois também estão em evolução.

Como eles estão ligados ao terra-a- terra e ao sub-mundo astral que é muito denso, os Exus precisam retirar dos elementos materiais, como bebidas e charutos, a energia que gastaram em seus trabalhos. São chamados “terra-a- terra” por conta dessa aproximação. Mas se for preciso, Exu trabalha mesmo que não haja materiais.

Os Exus atuam, sim, nas trevas, nas encruzilhadas, nas matas, nos cemitérios, mas com o intuito de combater tudo que impede o ser humano de crescer, desde vícios até as chamada “doenças da alma”.

Eles são agentes da Lei, atuam na Lei. Muitos os chamam de “policiais do astral”, no sentido de combate à tudo aquilo que trapaceia a vida dos seres.

Imagem relacionada

O tridente de Exu representam os quatro pólos da natureza: água, fogo, ar e terra, sendo esse útimo representado da posição contrário aos outros três

As pessoas buscam muito por Exus para ajuda na abertura de caminhos. Quando Exu trabalha em seu favor, te propiciando uma desobsessão, por exemplo, ele está também limpando os seus caminhos, te livrando de tudo aquilo que impeça que o bem e novo chegue até você.

Exus andam em todos os lugares para combater e vigiar as energias maléficas. São nossos protetores. Agradeçam a Exu, eles são amigos, são os nossos guardiões.

Saudação: Laroyê, Exu = Mensageiro eu te saúdo
Exu é Mojubá = Meus respeitos

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s